Micro-orquídea Gomesa crispa


Micro-orquídea Gomesa crispa
Gomesa crispa

Esta é outra orquídea cuja floração ocorreu há bastante tempo, em maio deste ano, mas que por problemas de agenda só conseguiu ser devidamente apresentada hoje. O início do desenvolvimento desta belíssima haste floral foi apresentado neste artigo.

A micro-orquídea Gomesa crispa é tipicamente encontrada na região sudeste do Brasil, presa às úmidas e sombreadas árvores da Mata Atlântica. As cerca de 20 espécies do gênero Gomesa são muito parecidas entre si, tornando-se frequentemente difícil distingui-las. A época de floração é um dos fatores que pode ajudar nesta tarefa. No caso da Gomesa crispa, este evento costuma ocorrer durante os meses do inverno. A Gomesa recurva, por sua vez, floresce no verão. Ela já havia dado as caras anteriormente aqui no apartamento, e suas flores são bastante semelhantes à da Gomesa crispa.

A orquídea Gomesa é considerada uma planta de fácil cultivo, desde que seja mantida em ambientes sombreados, com boa luminosidade e alta umidade relativa do ar. As raízes gostam de ficar expostas, aderidas a troncos e placas de madeira. Como meu ambiente de cultivo é muito seco, a planta sofreu bastante, inicialmente. Os pseudobulbos enrugaram e algumas folhas amarelaram. Depois que a transferi para um vaso de plástico com sphagnum, a orquídea parece ter se estabilizado. Vamos ver se consegue se adaptar à nossa varanda de clima desértico.

Sempre achei que estas flores das orquídeas Gomesa lembravam pequenos bonecos. Hoje, pesquisando sobre esta simpática micro-orquídea, descobri que ela é popularmente conhecida como Little Man Orchid, nos EUA. Nada mais apropriado. Enquanto minha 'orquídea homenzinho' se recupera, vou mostrando alguns outros instantâneos desta bela floração, ao longo dos próximos artigos.