Echeveria 'Perle von Nürnberg'


Suculenta Echeveria 'Perle von Nürnberg'
Echeveria 'Perle von Nürnberg'

As plantas suculentas do gênero Echeveria são típicas de ambientes áridos, localizados em países da América Central e México. Pertencem à família Crassulaceae e foram assim nomeadas em homenagem ao mexicano Atanasio Echeverría y Godoy, artista botânico que viveu no século XVIII.

A Echeveria que protagoniza o artigo de hoje é bastante popular entre os colecionadores, por sua beleza única e suave. O nome é pomposo, Echeveria 'Perle von Nürnberg', que em alemão significa 'Pearl of Nuremberg' ou 'Pérola de Nuremberg', cidade situada ao norte da Baviera, na Alemanha.

Mais conhecida simplesmente como Echeveria Perle, esta suculenta é uma planta híbrida, resultante do cruzamento entre Echeveria gibbiflora e Echeveria elegans. Sua característica mais marcante é a coloração pastel de suas folhas, que mescla um cinza pálido, quase azulado, com bordas em um pink suave. O verso das folhas suculentas, na região próxima à junção com o caule, também tem uma coloração rosada, tendendo ao lilás. Todo o conjunto parece ter sido polvilhado com uma fina poeira esbranquiçada.

Este conjunto de características torna a Echeveria 'Perle von Nürnberg' tão especial que o cruzamento foi premiado pela Royal Horticultural Society com o Award of Garden Merit, prestigiada honraria concedida anualmente às melhores plantas cultivadas no Reino Unido. Igualmente premiada é a variedade Echeveria 'Topsy Turvy', que já foi tema de um artigo aqui no blog. Outra planta belíssima, do mesmo gênero, é a Echeveria 'Black Prince'.

A Echeveria 'Perle von Nürnberg' pode ser cultivada tanto à meia sombra ou sob sol pleno. No entanto, é sempre bom lembrar que a planta precisa de um período de adaptação para receber os raios solares diretamente. Caso contrário, haverá queimaduras nas folhas, que podem levar à morte da suculenta. O ideal é sempre utilizar uma tela de sombreamento para evitar acidentes, principalmente nas estações mais quentes do ano.

Esta é uma planta suculenta que tende a ficar alta. Periodicamente, pode ser necessária a realização de uma poda drástica, popularmente conhecida como decapitação, para rejuvenescer sua aparência. Este também é um método para multiplicar a Echeveria Perle, já que a porção decapitada produzirá novos brotos. Alternativamente, as folhas destacadas podem ser colocadas em um berçário, para propagação em larga escala.

As demais condições de cultivo da Echeveria 'Perle von Nürnberg' são idênticas àquelas aplicadas à maioria das plantas suculentas. O substrato precisa ser bem drenável, constituído por uma mistura de terra adubada e areia, em partes iguais. As regas devem ser bem espaçadas, permitindo que o material seque bem. É importante remover as folhas mais antigas, que murcham e secam na base da planta. Este material costuma ser um abrigo perfeito para uma grande variedade de pragas.

Esta suculenta especial tem um significado muito importante para mim, já que foi um dos presentes que ganhei de aniversário do casal Hiroko e Takashi Matsumoto, a quem sou muito grato por todo o apoio ao trabalho realizado aqui neste blog.


Conteúdo patrocinado:

Um belo arranjo de suculentas pode ser adquirido no site do nosso parceiro. Para acessar, basta clicar neste link.