Orquídea Potinara Burana Beauty


Orquídea Potinara Burana Beauty 'Burana'
Potinara Burana Beauty 'Burana'

Já confessei para vocês que sou fã das orquídeas híbridas, muito embora sejam menos valorizadas pelos colecionadores mais puristas, que se dedicam às espécies. Neste contexto, as Potinaras estão entre as minhas orquídeas favoritas. São híbridos complexos, chamados de intergenéricos, resultantes do cruzamento entre orquídeas de quatro diferentes gêneros: Brassavola, Laelia, Cattleya e Sophronitis. Desta mistura costumam sair plantas compactas, portando várias flores de colorido exuberante.

Aqui no blog, já havia apresentado para vocês a Potinara Love Dressy 'Apple Pie', planta cujas flores exibem um fantástico colorido alaranjado, pincelado de vermelho. Após uma belíssima floração há alguns anos, esta orquídea encontra-se atualmente no bico do corvo. Caso ela parta, será uma dura perda.

Não menos exótica e exuberante é a Potinara que trago hoje, em destaque na foto acima. Trata-se da Potinara Burana Beauty 'Burana', híbrido registrado em 1996 pelo cultivador tailandês Phongthom Buranaraktham. Resultado do cruzamento entre a Potinara Netrasiri Starbright e a Cattleya Netrasiri Beauty, esta orquídea logo tornou-se mundialmente conhecida, tendo sido premiada pela American Orchid Society já no ano seguinte ao seu registro.

Trata-se de uma orquídea compacta, de pseudobulbos baixos e bem organizados verticalmente. A floração costuma ser generosa, composta por 2 a 5 flores em uma mesma haste. O perfume é suave e delicado, possuindo um toque cítrico. O colorido é um capítulo à parte, parece que apenas as flores têm a receita do segredo de combinar harmoniosamente cores como o vermelho e o amarelo.

É a primeira vez que esta orquídea floresce aqui no apartamento. Foi comprada há vários anos, como uma pequena muda. Apesar desta floração ter ocorrido no verão, a literatura indica que ela pode acontecer duas vezes por ano, no outono e na primavera. As flores possuem uma textura firme, são bastante resistentes e duram cerca de três semanas. Esta é mais uma boa pedida para os que cultivam em pequenos espaços e gostam de ter a casa ou apartamento sempre floridos e perfumados.