Guia completo para cuidar de plantas dentro de casas e apartamentos

Sergio Oyama Junior

Suculenta Dedo de Moça - Sedum morganianum


Suculenta Sedum morganianum
Sedum morganianum

Sempre fui fascinado pelo aspecto desta planta suculenta. Além da aparência exótica, ela recebe vários apelidos curiosos, tais como dedo de moça, dedinho de moça ou rabo de burro. O mesmo ocorre em países de língua inglesa, onde o Sedum morganianum é chamado de burro's tail ou donkey's tail. Esta planta é uma típica suculenta pendente, capaz de formar grandes touceiras. A suculenta dedo de moça é bastante resistente, crescendo e propagando-se muito rapidamente.



O Sedum morganianum é uma espécie típica do continente americano, podendo ser encontrada nas Américas do Norte e Central. O habitat original da suculenta dedo de moça é quente e seco, típico de países como México e Honduras. Como todas as plantas de sua categoria, o rabo de burro está adaptado a situações de seca prolongada, sendo capaz de armazenar água em suas folhas modificadas. Além disso, o formato cilíndrico destas estruturas diminui a área de sua superfície exposta ao sol, reduzindo a perda de água por evaporação. Aqui no blog, já apresentamos o Sedum makinoi e Sedum moranense.

Existem basicamente duas formas mais cultivadas da suculenta dedo de moça. Uma possui as folhas cilíndricas, com as pontas afuniladas, lembrando bananinhas. Esta é a versão que eu tenho na coleção, apresentada na foto de abertura deste artigo. Uma outra variedade, comumente chamada de Sedum burrito, mas que na verdade é a forma Sedum morganianum 'Burrito', apresenta as folhas suculentas com pontas arredondadas, cujo formato tende mais ao esférico.

Ambas as versões da suculenta dedo de moça adquirem o aspecto pendente, através do acelerado crescimento de seus caules. Para que sua aparência fique mais compacta e harmoniosa, é preciso que o Sedum morganianum seja cultivado em ambientes bem iluminados, inclusive sob sol pleno, no início da manhã ou no final da tarde. O sol direto, nas horas mais quentes do dia, pode causar queimaduras nas folhas do dedo de moça. Dentro de casas e apartamentos, é importante que o vaso fique próximo a uma janela bem ensolarada. Quando cultivado em ambientes muito sombreados, o rabo de burro tende a ficar estiolado. Este é um fenômeno através do qual a planta busca mais luminosidade, ficando fina e comprida. No caso da suculenta dedo de moça, o espaçamento entre as folhas aumenta, de maneira a deixar o conjunto mais ralo e desordenado.


Para quem mora em apartamento, e não dispõe de um local interno com bastante luminosidade, uma varanda ensolarada é uma excelente opção para o cultivo da suculenta dedo de moça. Na ausência de sacadas, jardineiras externas, colocadas do lado de fora das janelas, também são locais interessantes para o rabo de burro.

O Sedum morganianum é uma suculenta bastante resistente e de baixa manutenção. No entanto, trata-se de uma planta que precisa ser manuseada com cuidado, já que sua estrutura vegetativa é bem frágil. A todo momento, as folhas da suculenta dedo de moça estão caindo, por todos os lados, ao menor esbarrão. Além disso, cada bananinha é recoberta por uma camada de pruína. Trata-se de uma substância cerosa, com a aparência de um pó translúcido, que recobre as folhas de várias plantas suculentas. Ela confere um aspecto fosco e empoeirado às folhas, que é bastante decorativo. No caso do rabo de burro, o constante manuseio acaba deixando as folhas todas manchadas, com nossas digitais. Infelizmente, a pruína não é reposta pela suculenta, que fica com sua aparência prejudicada pela constante manipulação. Mas trata-se de um problema puramente estético.

O desmantelamento da suculenta dedo de moça pode ser aproveitado para que realizemos a propagação desta planta. Basta colocarmos as folhas caídas em um berçário de suculentas. Ao contrário de muitas plantas, que são bem temperamentais para brotarem a partir das folhas, o rabo de burro multiplica-se muito rapidamente, através deste método. Frequentemente, as folhas que caem no solo brotam espontaneamente, sem a necessidade de um cuidado especial, no berçário.


Outra forma bem tranquila de se propagar a suculenta dedo de moça é através de estacas. Basta cortar segmentos do caule, e plantá-los separadamente. Estas estruturas se enraízam rapidamente, gerando novas mudas. Esta técnica é bastante útil para quem quer uma touceira mais densa do Sedum morganianum, com uma maior quantidade de caules pendentes. Quanto mais cheio ficar o vaso, melhor será seu efeito ornamental. Apenas devemos tomar cuidado com o peso, que vai aumentando à medida que a planta cresce e a touceira se avoluma.

O fato curioso é que a suculenta dedo de moça apresenta folhas bastante arredondadas, quando ainda é bem jovem, no berçário. À medida que vai se tornando mais adulta, dependendo da variedade cultivada, as folhas vão adquirindo o aspecto com as extremidades mais pontiagudas, como na foto de abertura do artigo.

A suculenta dedo de moça pode ser cultivada em vasos de plástico ou de barro, sem maiores problemas. Eu costumo preferir o vaso de plástico, principalmente se ele for suspenso, devido ao peso reduzido do material. Além disso, ele retém a umidade por mais tempo, de modo que as regas devem ser bem espaçadas. O substrato para o cultivo do Sedum morganianum é aquele tipicamente utilizado para cactos e suculentas, mais arenoso, bem aerado e drenável. Existem misturas prontas para esta finalidade, à venda em lojas especializadas e garden centers. Alternativamente, podemos preparar um substrato caseiro, composto por terra vegetal e areia grossa, em partes iguais.

O importante é que este material seja regado de forma bem espaçada, apenas quando estiver totalmente seco. Para evitar o apodrecimento das raízes, por excesso de umidade, é sempre bom evitar o uso do pratinho sob o vaso.


Embora seja algo difícil de ser observado, dentro de casas e apartamentos, a suculenta dedo de moça pode florescer, quando cultivada em ambientes com bastante luminosidade. Suas flores são surpreendentes, em um belíssimo tom avermelhado, surgindo a partir das pontas dos longos caules pendentes, contrastando com as folhas pálidas, verdes ou levemente azuladas.

Para estimular o surgimento de flores no rabo de burro, convém aplicar uma formulação do tipo NPK, mais rica em fósforo. Pode-se alternar este adubo de floração com uma fórmula de manutenção, com níveis equilibrados de nitrogênio, fósforo e potássio. Uma vez que a suculenta dedo de moça é originária de regiões áridas, com solos arenosos e pobres em matéria orgânica, não há a necessidade de uma adubação muito elaborada.

Independentemente de qualquer coisa, o Sedum morganianum irá crescer e se desenvolver alucinadamente, atingindo grandes proporções. A suculenta dedo de moça é uma planta ideal para quem quer ter composições volumosas, de grande efeito ornamental, e que requerem pouca manutenção.