Guia completo para cuidar de plantas dentro de casas e apartamentos



Sergio Oyama Junior
PUBLICIDADE
Aprenda a Lucrar com Suculentas
LINKS PARCEIROS
 Curso Orquídeas sem Segredos Guia Espécies de Suculentas

Orquídeas no Apê

CURSOS PATROCINADOS

Suculenta Crassula capitella 'Campfire'


Suculenta Crassula capitella 'Campfire'
Crassula capitella 'Campfire'

Ainda que nem sempre percebamos, a maioria das plantas suculentas que cultivamos, com fins ornamentais, pertence à família botânica Crassulaceae. Fazem parte deste grupo as diversas espécies que compõem os gêneros Echeveria e Kalanchoe, por exemplo. No entanto, obviamente, as suculentas mais típicas desta família são aquelas pertencentes ao gênero Crassula, do qual faz parte a famosa planta jade, Crassula ovata.

No artigo de hoje, vamos destacar uma ilustre representante de um seleto grupo de crassuláceas, conhecidas pela incrível organização geométrica de suas folhas suculentas. São as chamadas stacked Crassulas, ou Crassulas empilhadas. Aqui no blog, já apresentamos a Crassula 'Green Pagoda', cujas folhas triangulares formam um belíssimo arranjo arquitetônico que lembra a aparência de um templo oriental, uma pagoda.

PUBLICIDADE
Curso Online

Igualmente simétrica e exótica é a Crassula capitella 'Campfire', cujas folhas lembram várias cruzes perfeitamente sobrepostas. Além da geometria raramente encontrada na natureza, esta espécie de planta suculenta é famosa pelo seu colorido único. Quando expostas à luz solar direta, as folhas da Crassula capitella, outrora verdes, adquirem um esfuziante tom avermelhado, em dégradée, que mistura as cores verde, laranja, pink e escarlate.

Suculenta Crassula capitella 'Campfire'
Crassula capitella 'Campfire'

Quanto mais luz solar a Crassula capitella 'Campfire' recebe, mais coloridas, simétricas e compactas ficam suas folhas suculentas. A luminosidade no ambiente de cultivo é o principal fator determinante para a obtenção de plantas suculentas coloridas, de maneira geral. No entanto, esta também é uma questão genética. Nem todas as espécies ficarão coloridas quando expostas ao sol.

A Crassula 'Green Pagoda', que citamos anteriormente, por exemplo, jamais adquirirá este tom avermelhado, por mais que receba luz solar. Por esta razão, a Crassula capitella 'Campfire' também pode ser encontrada como Crassula 'Red Pagoda', por ser uma versão vermelha deste tipo de suculenta geométrica, em forma de pagoda.

PUBLICIDADE

É interessante notar que a Crassula capitella 'Campfire' fica avermelhada exatamente nas regiões da planta que recebem sol. Aqui na varanda do apartamento, como ela apenas toma o sol lateralmente, é esta porção da suculenta que adquire seu tom mais vibrante de vermelho. Já sua superfície, que carece do zênite solar, apresenta um tom mais verde em suas folhas.

Esta é uma planta suculenta nativa do continente africano, ocorrendo em maior abundância em diversas províncias da África do Sul. A Crassula capitella 'Campfire' também pode ser encontrada em algumas regiões da Namíbia e Botsuana. O nome da espécie, capitella, é derivado da palavra em latim capitellum, que significa pequena cabeça.

As flores da Crassula capitella ocorrem sob a forma de pequenas estrelas brancas, de efeito ornamental secundário, quando comparadas à exuberância das folhas suculentas incandescentes. O néctar das inflorescências tem a capacidade de atrair abelhas e borboletas. As raízes desta planta suculenta costumam ser utilizadas pelos nativos africanos na cicatrização de ferimentos, sendo maceradas e transformadas em pó.

LINKS PARCEIROS
Suculentas ColoridasEspécies de Suculentas

Ainda que possa ser cultivada dentro de casas e apartamentos, em vasos, desde que em locais com bastante luminosidade, a Crassula capitella 'Campfire' fica mais exuberante em jardins de inspiração desértica, sob sol pleno, onde forma pequenos arbustos em diferentes tonalidades de vermelho vivo. Pode ser utilizada de forma solitária, como ponto focal, ou em bordaduras.

Quando cultivada sob condições mais sombreadas, a Crassula capitella tende a ficar estiolada, crescendo de forma acelerada, em busca de luz. As folhas mais próximas à base da planta vão secando e caindo, de forma que a suculenta se torna pescoçuda. Esta situação pode ser facilmente corrigida através de uma poda drástica, conhecida como decapitação de suculentas. Este processo, além de melhorar a estética da planta, também pode ser utilizado para multiplicar a Crassula capitella, uma vez que o caule remanescente continuará a produzir novas brotações.

Suculenta Crassula capitella 'Campfire'
Crassula capitella 'Campfire'

Eu, particularmente, gosto do aspecto desta suculenta com seu caule comprido e as folhas empilhadas no topo. Devido à aparência lenhosa, o conjunto fica semelhante a uma miniatura de palmeira.

A multiplicação da Crassula capitella 'Campfire' é bastante tranquila. Esta suculenta produz inúmeros brotos ao longo de seu caule, principalmente na região próxima ao solo. Além disso, as folhas destacadas da planta podem ser colocadas em um berçário de suculentas, onde irão produzir novas mudas com facilidade.

Esta é uma suculenta que aprecia um solo mais arenoso, pobre em matéria orgânica, bem aerado e facilmente drenável. Solos próprios para o cultivo de cactos e suculentas são perfeitos para esta planta. Alternativamente, pode-se preparar um substrato caseiro através da mistura de terra vegetal e areia grossa de construção, em partes iguais. O importante é que o vaso tenha um bom sistema de drenagem, de modo a evitar que a água fique acumulada no substrato. O excesso de água faz com que um fungo esbranquiçado se desenvolva na superfície das folhas, arruinando sua aparência. Além disso, a umidade excessiva pode causar o apodrecimento do sistema radicular, matando a planta.

PUBLICIDADE

As regas devem ser bem espaçadas, de modo que permitam a secagem completa do substrato. A Crassula capitella 'Campfire' não necessita de uma adubação muito elaborada, uma vez que o solo em seu habitat de origem é pobre em nutrientes. A aplicação de um fertilizante de manutenção, do tipo NPK, é mais que suficiente para um bom desenvolvimento da suculenta. Existem formulações inorgânicas próprias para o cultivo de cactos e suculentas, à venda no mercado.

Dentro de casas e apartamentos, é possível cultivar a Crassula capitella, uma vez que a suculenta tolera uma situação de meia sombra. Sob estas circunstâncias, é importante que o vaso fique bem próximo a uma janela ensolarada. Caso a planta possa receber algumas horas de sol direto por dia, ainda que no começo da manhã ou final da tarde, seu aspecto ficará mais simétrico e compacto, com as folhas mais coloridas. Varandas ensolaradas e jardineiras no lado externo das janelas são locais perfeitos para o cultivo desta planta.

Para quem gosta de suculentas coloridas, a Crassula capitella 'Campfire' ou Crassula 'Red Pagoda' é uma excelente aquisição. Trata-se de uma planta resistente, que se desenvolve vigorosamente e se multiplica com rapidez. Sempre tive uma grande admiração por esta suculenta, mas tinha dificuldade para encontrá-la à venda, nos garden centers que costumo frequentar. No final do ano passado, tive a alegria de ganhar dois exemplares desta belíssima espécie do casal Hiroko e Takashi Matsumoto, que tem contribuído valiosamente para o crescimento e diversificação da minha coleção, a quem agradeço, de coração.

PUBLICIDADE
Curso Online




Compartilhe com quem ama plantas: