Dicas de plantas para apartamento


Chamaedorea elegans e Begônia
Chamaedorea elegans e Begônia

Introduzimos uma nova seção no blog, com sugestões de arranjos utilizando plantas facilmente cultiváveis em apartamento ou qualquer outro ambiente interno. Por mais simples que sejam, duas ou três espécies podem tornar qualquer cantinho mais agradável. Além disso, segundo pesquisas da agência espacial americana, cultivar plantas dentro de casa auxilia na purificação do ar.

O exemplo de hoje traz a minha indefectível begônia vermelha, acompanhada de duas palmeiras Chamaedorea elegans. São plantas facilmente encontradas em qualquer floricultura e muito fáceis de se cultivar dentro de casa. Desenvolvem-se bem em ambientes de meia-sobra, próximas a uma janela bem iluminada. As regas são espaçadas, eu particularmente o faço quando sinto o vaso leve. Quanto à begônia, é aconselhável evitar molhar as folhas e flores.


Mini Samambaia Havaiana
Mini Samambaia Havaiana

Outra opção charmosa e bastante em voga atualmente é a mini samambaia havaiana. De porte compacto, folhas felpudas e fácil cultivo, torna-se uma planta ideal para fazer companhia a quem dispõe de pouco espaço.

Uma planta que tem se adaptado muito bem aqui dentro do apartamento é o lírio da paz. Existem variedades de diversos tamanhos, inclusive miniaturas. Quando bem cultivada, esta planta é capaz de formar grandes touceiras que, quando floridas, proporcionam um espetáculo imperdível.


Lírio da Paz
Lírio da Paz

Para quem dispõe de locais mais iluminados, mas pouco espaço, as plantas suculentas são ideais para trazer um pouco de vida ao ambiente. É importante que elas recebam algumas horas de sol por dia, para não ficarem estioladas (finas e compridas).

Neste contexto, outra planta considerada suculenta é a calandiva. De porte compacto, apresenta flores de longa duração, que podem ser encontradas em uma miríade de cores, formatos e tamanhos. Muitos a consideram a sucessora da clássica violeta, que nossas mães e avós costumavam cultivar dentro de casa.


Calandiva
Calandiva

Outra opção que vai muito bem em interiores é a dracena, planta bastante conhecida por suas propriedades de purificar o ar dos ambientes em que vivemos.

Já o bonsai, que costuma ser associado a interiores e pequenos espaços, devido a seu pequeno porte, necessita de muitas horas de sol direto por dia, por se tratar de uma árvore em miniatura. As regas também devem ser frequentes e abundantes, o que dificulta o cultivo para quem mora em apartamento.

Até mesmo um ubíquo trevo roxo pode se tornar uma interessante planta ornamental, ideal para o cultivo em interiores.

Ao longo dos próximos artigos, vou apresentando outras sugestões baseadas em casos de sucesso aqui no apartamento. Casos estes que, convenhamos, são bem raros.