Guia Completo para Cuidar de Plantas dentro de Casas e Apartamentos

Início

Sergio Oyama Junior


Orquídeas no Apê
Orquídeas no Apê

Cacto Parodia magnifica


Cacto Parodia magnifica
| Parodia magnifica |

Esta é uma belíssima cactácea de aspecto esférico, integrante do seleto grupo de espécies que apresentam caules no formato globular ou globoso, em oposição aos cactos mais altos, de porte colunar, e também distinta dos cactos pendentes, que vivem em ambientes sombreados, nas florestas. Por esta razão, o nome popular da espécie Parodia magnifica costuma ser cacto bola, embora existam diversas outras plantas que frequentemente recebem este apelido.

No passado, o cacto Parodia magnifica já respondeu por outras denominações científicas, tais como Notocactus magnificus ou Eriocactus magnificus, ambos no masculino, em latim. Notem que, atualmente, o nome do gênero é feminino.


No exterior, a Parodia magnifica é chamada de balloon cactus, cacto balão, ou ball cactus, cacto bola. Esta é, no entanto, uma cactácea genuinamente brasileira, ocorrendo nativamente na região sul do país. Também há relatos de sua ocorrência em alguns países da vizinhança, tais como Uruguai, Argentina e Paraguai.

Devido à pequena e fragmentada área de seu habitat de origem, a espécie Parodia magnifica é listada como ameaçada pela União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais, em sua Lista Vermelha (IUCN Red List).

Além disso, a Parodia magnifica é uma cactácea brasileira premiada no exterior, tendo recebido o Award of Garden Merit da prestigiada Royal Horticultural Society, em Londres.

Esta é uma espécie que pode ser considerada um mini cacto, já que seus caules globulares não costumam ultrapassar os quinze centímetros de altura. Sendo assim, a Parodia magnifica é perfeita para o cultivo dentro de casas e apartamentos, principalmente em cômodos menos espaçosos.


Exemplares mais jovens de Parodia magnifica crescem de forma solitária. No entanto, com o passar dos anos, brotações laterais podem surgir, a partir da base da planta principal, de modo que clusters de cactos podem ser formados. As flores desta cactácea são grandes e amarelas, apresentando praticamente o mesmo diâmetro da parte vegetativa. A Parodia magnifica floresce tipicamente durante os meses mais quentes do ano, no verão.

Em ambientes internos, no entanto, pode ser mais desafiador fazer esta cactácea florescer. Ela precisa ser exposta a várias horas de sol pleno, diariamente, para que possa se desenvolver bem e produzir flores e frutos. Para quem se contenta em apreciar sua parte vegetativa, igualmente ornamental, basta posicionar o vaso bem próximo a uma janela ensolarada, preferencialmente face norte.

A Parodia magnifica também é perfeita para varandas, coberturas e jardineiras externas. No entanto, é preciso tomar cuidado ao mudar este cacto de ambiente. Exemplares acostumados à vida em interiores precisam ser expostos ao sol direto de forma lenta e gradativa, para que não sofram queimaduras.


O vaso ideal para o cultivo desta cactácea é o de barro, uma vez que sua composição mais porosa permite a rápida secagem do substrato em seu interior. Ainda assim, é mais comum que os exemplares que adquirimos venham plantados em vasos de plástico, diretamente do produtor. Neste caso, basta adequar a frequência das regas, espaçando-as, uma vez que os recipientes plásticos tendem a reter a umidade no solo por um período mais prolongado.

É importante que o vaso para o cultivo da Parodia magnifica tenha furos no fundo e uma camada de drenagem, que pode ser composta por qualquer material particulado. Argila expandida, brita, pedrisco e cacos de telha costumam ser bastante utilizados, com esta finalidade. Por cima desta camada, convém posicionar uma manta geotêxtil, que tem o objetivo de impedir que o substrato escoe pelos drenos, juntamente com a água das regas. Alternativamente, muitos cultivadores costumam reutilizar o filtro de café, para este fim.

O cacto Parodia magnifica aprecia um solo arenoso, bem aerado, pouco compactado e rapidamente drenável. Para tanto, basta misturar terra vegetal e areia grossa de construção, em partes iguais. Também existem substratos próprios para o cultivo de cactos e suculentas, prontos para o uso, à venda em lojas de jardinagem.


Como sempre, as regas desta cactácea devem ser bem espaçadas, somente ocorrendo quando o solo estiver completamente seco ao toque. Na dúvida, o ideal é não regar. O excesso de umidade pode favorecer o desenvolvimento de fungos e bactérias, que atacam as raízes da planta. Por este motivo, é essencial evitar o uso do pratinho sob o vaso.

A adubação da Parodia magnifica deve ser preferencialmente mineral, inorgânica, do tipo NPK. Uma formulação específica para a manutenção de cactos e suculentas pode ser aplicada. Caso o intuito seja estimular a floração, um fertilizante mais rico em fósforo pode ser fornecido.

Ainda que possua a aparência feroz, este cacto repleto de espinhos não representa uma grande ameaça, já que estas estruturas são pouco agressivas, mais maleáveis. Esta é outra vantagem do mini cacto Parodia magnifica, para sua manutenção em ambientes internos, onde há uma maior circulação de pessoas. Ter um exemplar na coleção é uma excelente oportunidade de valorizar a flora brasileira, desde que o cacto tenha sido adquirido de produtores especializados, que fazem sua propagação em estufas, e que não coletam as poucas plantas que ainda restam na natureza.

Publicado em: | Última atualização:





Bacharel em biologia pela Unicamp, com mestrado e doutorado em bioquímica pela Usp, escreve sobre o cultivo de orquídeas, suculentas, cactos e outras plantas dentro de casas e apartamentos.

São Paulo, SP, Brasil