Design e tecnologia em prol das orquídeas


Vaso Egg, Placa Porus e Substrato
Vaso Egg, Placa Porus e Substrato

Tudo bem, Pessoal? Acabo de receber os novos produtos da Fabergé Orquídeas e venho contar para vocês um pouco sobre a minha primeira impressão. Chegaram em perfeito estado, cuidadosamente embalados. São peças leves, bastante resistentes e, acima de tudo, muito bonitas. Lembram mais objetos de decoração do que material para cultivo de orquídeas.

O Vaso Egg é confeccionado em cerâmica de alta resistência, leve e bastante permeável. Os furos laterais conferem uma aeração extra às raízes das orquídeas. O prato, também em cerâmica, é impermeabilizado. É importante lembrar que não se pode deixá-lo com água acumulada, como sempre. Alternativamente, ele pode receber uma camada de pedrisco ou areia, com uma lâmina de água no fundo, de modo a fornecer umidade extra ao conjunto, principalmente em ambientes mais secos. Ainda não sei o que vou cultivar no vaso que ganhei.

A Placa Porus, também em cerâmica, foi desenhada para conferir sustentação, umidade e aeração às raízes das orquídeas epífitas. É um bom substituto para leques ou placas de madeira. Também é uma alternativa segura às placas de fibra de coco prensada, que são prejudiciais ao cultivo de orquídeas. Por ser fabricada em material inerte, a Placa Porus não se decompõe e nem libera elementos prejudiciais às raízes. No exemplar que ganhei, já afixei um Dendrobium jenkinsii.

Por fim, o substrato é outra inovação que promete aeração e umidade às raízes das orquídeas, sem prejudicá-las. Ele é confeccionado em quartzo, é bastante poroso e tem uma alta capacidade de retenção de líquidos. Acredito que seja uma boa alternativa à argila expandida, para os que se dedicam ao cultivo em semi-hidroponia. Os produtores indicam o uso deste substrato para orquídeas monopodiais, tais como Phalaenopsis e Vandáceas de diferentes gêneros. 

Estou bastante curioso para conferir a performance destes novos produtos no cultivo das minhas orquídeas, principalmente aqui na nossa sacada, que não é tão tranquila, muito menos favorável.