Uma micro-orquídea que nasceu para brilhar


Botão floral da micro-orquídea Isabelia pulchella
Isabelia pulchella

Esta delicada micro-orquídea, Isabelia pulchella, foi um dentre os muitos presentes que recebi da orquidófila Meire Genaro, a quem sou muito grato. Dona de uma belíssima coleção, onde destacam-se as Vandas e as micro-orquídeas, a Meire é conhecida no mundo da orquidofilia pela sua simpatia, generosidade e disposição. Participa da organização de encontros de orquidófilos, está sempre presente nas principais exposições de São Paulo e região, além de também escrever dois blogs sobre o assunto: Orquídeas - Coleção e Negócios e Orquídeas Híbridas - Identificação.

Não tenho participação nesta floração, já que a muda chegou repleta de pequenos botões florais na cor púrpura. Assim que o primeiro botão ensaiou a abertura, corri para fotografá-lo. Acho que esta micro-orquídea já nasce toda trabalhada no glamour, espreguiçando suas pétalas cintilantes. A cor magenta é espetacular, mais clara e acetinada do que o botão de origem.

Para dar uma noção do seu tamanho, fotografei a flor nascente próxima a um anel de brilhantes, que pertence à minha mãe. Desta forma, aproveito para homenageá-la pelo seu dia, que está próximo. É bem verdade que as mães merecem homenagens em todos os dias do ano. Flores e diamantes têm várias semelhanças com as mães, que são belas e delicadas, mas ao mesmo tempo fortes e obstinadas.