Maravilhosa Graça


Manacá da serra - Tibouchina mutabilis
Tibouchina mutabilis

Na semana passada, vimos uma pessoa muito próxima à família partir de forma inesperada. Tomado pela dor e perplexidade, imaginei que não escreveria aqui por um tempo. No entanto, hoje, revirando arquivos, encontro esta foto de um manacá da serra florido. De imediato, vieram-me à memória vários elos afetivos desta imagem com a pessoa que se foi e sua família. Todos os domingos, nós nos encontrávamos na igreja em frente à qual esta árvore está plantada. Além disso, quem a plantou, alguns anos atrás, foi uma grande amiga em comum. Achei que seria apropriado postar esta foto, como uma pequena lembrança.

As flores do manacá da serra desabrocham brancas, passam por tons de rosa e tornam-se magenta. Desta forma, as três cores convivem em uma mesma planta. O que me faz lembrar que somos um pouco parecidos. Nascemos como uma folha em branco, puros. Atingimos o auge com a vivacidade da cor e, por fim, vamos desbotando com a idade. Infelizmente, nem sempre as coisas seguem seu curso natural. Acho que estes pequenos detalhes nos convidam a aceitar o presente da vida, a Maravilhosa Graça que nos é concedida.