Orquídea Cattleya labiata desabrochando


Orquídea Cattleya labiata caerulea
Cattleya labiata caerulea

Aos meus leitores de longa data, peço desculpas pelo festival de imagens antigas, de orquídeas que já foram apresentadas aqui há bastante tempo. Ocorre que estou correndo para adicionar material ao novo canal do Youtube, que está constrangedoramente vazio. 

Neste processo, além do revival de orquídeas, há um descompasso em relação à época de floração. A orquídea em destaque no vídeo de hoje, por exemplo, Cattleya labiata caerulea, costuma florescer no outono. O que torna este post totalmente deslocado em relação às orquídeas que meus colegas orquidófilos vêm apresentando. Mas é uma fase passageira.

Em breve, retomarei o ritmo normal de postagens, apresentando o que tem florescido aqui no orquidário varanda. Por ora, deixo vocês com mais um vídeo de uma orquídea bastante especial para mim. Espero que gostem!



12 comentários:

  1. Sérgio querido amigo!

    Que maravilha esse vídeo...belissimas imagens...fiquei imaginando como voce captou toda a essencia do desabrochar dessa cattleya....
    Parabéns por tanta sensibilidade!

    Grande abraço.
    Dinda Cardoso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Dinda! Imagine, bondade sua! Que alegria ler seu comentário e saber que gostou deste desabrochar. Esta orquídea pertenceu ao meu tio avô, tem um significado muito especial para mim. Muito obrigado pelo carinho e apoio!

      Um grande abraço!

      Excluir
  2. Não tem como não ficar sem fôlego diante de tal espetáculo. Como pode alguém ousar dizer que não há Deus? A manifestação de Sua criação está acontecendo a todo momento e vc captou um desses momentos. Esse é o verdadeiro show da vida. Parabéns.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, tudo bem? Amém, que linda a sua mensagem! De fato, podemos observar a grandiosidade da criação nos menores detalhes. Fico feliz por saber que gostou, muito obrigado pela visita e pelo comentário!

      Um grande abraço!

      Excluir
  3. Sérgio, independente de ser uma floração nova, velha, na época ou não, é um prazer ver esses registros e o cuidado que você teve em fazê-los. Parabéns e obrigada por nos mostrar algo tão lindo!
    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Suzana! Que ótimo saber disso! Sua opinião é muito importante para mim, fico feliz! Imagine, eu que agradeço a você por assistir e por comentar!

      Um grande abraço!

      Excluir
  4. Amei, qto amor esta embutido neste lento despertar. obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo bem? Fico contente que tenha gostado! Muito obrigado pela visita e apoio!

      Excluir
  5. De enorme beleza... A natureza a brindar-nos com toda a sua infinita beleza!!! Obrigado, adorei!.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo bem? Que ótimo receber seu comentário, muito obrigado pela visita! Fico feliz por saber que gostou!

      Um grande abraço!

      Excluir
  6. Parabéns Sergio muito linda!!! Obrigada por compartilhar conosco essas maravilhas eu amo orquídeas. Tenho algumas.Um grande abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Flavia! Fico feliz por saber que está gostando das orquídeas! Imagine, eu que agradeço a você pela visita e pelo apoio!

      Um grande abraço!

      Excluir