Sua orquídea tem seguro de vida?


Mini-orquídea Laelia Adrienne
Laelia Adrienne

Provavelmente, vocês já leram aqui no blog sobre a orquídea que vale ouro, a Cattleya walkeriana 'Feiticeira'. Nunca entendi como uma planta pode chegar a atingir valores tão exorbitantes, na casa dos milhares de reais. Também desconheço as razões que levam uma pessoa a pagar tanto por um ser tão frágil, frequentemente atacado por toda a sorte de pragas e infortúnios. 

No começo da minha paixão pelas orquídeas, fiquei fascinado pelo Paphiopedilum rothschildianum, considerado o rei dos sapatinhos. O pequeno detalhe é que ele estava sendo vendido por R$ 1.200,00. Algum tempo depois, encontrei uma pequena muda desta orquídea sendo oferecida por R$ 80,00. Não tive dúvida, comprei-a correndo, de olho no lucro exorbitante que teria dentro de alguns anos. Nem preciso dizer que meu ambicioso investimento foi para o vinagre, quando a pobre muda definhou até a morte, poucos meses após a compra.

Pois agora, todos estes desgostos e prejuízos já podem ser amenizados. Segundo informações do iG, a tradicional companhia seguradora Chubb, especializada em proteger o patrimônio de famílias abastadas, composto principalmente por joias, obras de arte e antiguidades, já aceita em seu portfólio itens bem menos convencionais. Além de segurar a maior coleção de arte brasileira, avaliada em 25 milhões de reais, a Chubb protege também nossos amigos clorofilados.

Fazem parte de seu portfólio um conjunto de palmeiras reais com mais de 200 anos de idade, plantadas em mansões de luxo. Além disso, uma raríssima coleção de orquídeas, valendo cerca de 330 mil reais, está sob a proteção desta seguradora. Não consigo imaginar as espécies que compõem esta valiosa coleção. Deve ser um sonho. Quanto a mim, se somar os valores de todas as 50 orquídeas que possuo, não chego ao preço de um quadro barato. Portanto, em caso de perda total, o melhor é arcar com o prejuízo e abafar o caso.


Video: Orquídeas e joias, uma rara combinação

Coletânea de fotos de orquídeas com joias, publicadas no blog Orquídeas no Apê. Audiovisual com imagens em alta definição e trilha sonora. Novas orquídeas a cada semana.

14 comentários:

  1. Interessante a idéia do seguro...

    Além disso adorei a pequena "jóia" ao lado do colar de pérolas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Suely! Pois é, também gostei da ideia. E que bom saber que gostou deste pequena joia, para mim tem um valor muito especial!

      Muito obrigado pela visita e pelo comentário!

      Um grande abraço!

      Excluir
  2. Ja, ja, Sergio, é provável que o seu 50 orquídeas torná-lo mais feliz que o proprietário desta valiosa coleção. Além disso, temos pequenas coleções apreciadas igualmente simples orquídeas e orquídeas raras e valiosas. Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Angel Mar! Quem sabe, é provável, sim! Estas meninas, embora não sejam caras, são a razão da minha alegria. Concordo plenamente com você!

      Muito obrigado pela gentileza da sua visita!

      Um grande abraço!

      Excluir
  3. Olá Sergio!
    Gostei da novidade amigo!
    Nada mais justo inclusive, afinal as orquídeas são como obras de arte valiosíssimas! E você amigo, já pode considerar-se um milionário das orquídeas, pois todas as suas 50 orquídeas são estrelas lindas que não tem preço!! Puxa, não sei como dá conta de cuidar de tantas! Estou admirada realmente!!

    Beijos e se cuida muito tá amigo?
    Tenha um ótimo fim de semana, pois já estou vendo a sexta-feira de binóculo...hehehe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Adriana, tudo bem?

      Que bom que gostou! Agora você escreveu uma grande verdade. Para mim, estas pequenas não têm preço, mesmo! Eu gostaria de ter mais, mas o espaço não permite.

      Fico feliz em receber sua visita e o carinho do seu comentário. Muito obrigado por tudo!

      Beijos e uma ótima sexta-feira para você!

      Excluir
  4. Olha...que se vê de tudo, mesmo! Mas pra se estar sob proteção de seguro, a colação deve ser mesmo valiosa! Mas a sua também, a minha e a nossa é de valor inestimável pra nós! Cadê nosso seguro???!!!
    Abração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Jalon! É verdade. cadê??! Hehehe! Mas você tem razão, acho que todos nós temos, em nossas coleções, orquídeas de valor inestimável. Muito obrigado pela sua visita e participação!

      Um grande abraço!

      Excluir
  5. Nossa, as minhas não estão valendo nada no momento, rs
    Mas a ideia é muito original e com certeza os colecionadores devem ter aprovado!

    abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ana! Imagine, suas orquídeas são lindas! E famosas, porque aparecem no Jeito de Casa. Hehehe!

      Que bom vê-la por aqui, muito obrigado pela visita! Aproveite as férias, espero que retorne em breve!

      Um grande abraço!

      Excluir
  6. Hm....tenho certeza de que essa coleção de cinquentinha vale muito, pelo nível das postagens dá pra imaginar a qualidade das plantas. de todo modo gostei muito de saber, obrigada Sérgio!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Francis! Imagine, gentileza sua! Mas de fato, muitas delas foram presentes especiais de parentes e amigos, o que as torna bastante valiosas!

      Que bom que gostou do artigo, eu que agradeço a você pela visita e interesse!

      Um grande abraço!

      Excluir
  7. Tempos atrás visitando uma exposição a gente conseguia chegar muito perto para apreciar as caríssimas orquídeas ali expostas, hoje a distância é grande do público com a orquídea, isto é quando chegam a expor. Muitos e muitos colecionadores tiveram folhas das planta raspada com a até com unha, tirando uma lasquinha, para conseguir dali o DNA.
    Bem Sergio tenho sorte e que sorte, pois minha paixão, como sabe, são as micros.
    abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bete! Mas que interessante, não tinha ideia de que coisas assim aconteciam. Mas a sua coleção de micros é uma que mereceria um bom seguro, é fantástica!

      Muito obrigado pela visita e pelo comentário!

      Um grande abraço!

      Excluir