Laelia Adrienne - O nascimento de uma princesa


Mini-orquídea Laelia Adrienne
Laelia Adrienne

Pairando sobre as florestas úmidas de Minas Gerais, entre as brumas de um reino intocado, vivia uma orquídea de rara beleza, a Laelia jongheana. Seus atributos despertaram a cobiça de caçadores, que passaram a capturá-la impiedosamente, a ponto de colocá-la sob risco de extinção. Hoje, a ocorrência desta orquídea na natureza é extremamente rara e restrita. Além disso, esta grande dama das orquídeas é bastante exigente e temperamental quando cultivada 'em cativeiro'.

Na circunvizinhança desta nobre orquídea, vivia a Laelia pumila. Apresentando porte e flores menores, fácil cultivo e ocorrência abrangente, esta mini orquídea não pertencia à l'honorabile società. Talvez graças a isso, não corra hoje o risco de desaparecer do mapa.

Eis que um belo dia, rainha e plebeu encontraram-se. Não houve a interferência do homem, foi algo absolutamente natural, fruto da ação de insetos polinizadores, à guisa de cupidos, que costumavam visitar ambas as orquídeas. Nasceu deste relacionamento a Laelia Adrienne, apropriadamente batizada com nome de princesa. Não que eu conheça alguma com esta alcunha. Por ser um híbrido natural, esta miniatura costuma ser descrita com um 'x' no nome, Laelia x Adrienne. O que não tira o glamour desta bela orquídea, genuína obra de arte produzida pela natureza.

24 comentários:

  1. Linda e comovente história.... Que a beleza desta flor encerra com final feliz. Abç

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Alexia! Que ótimo ler seu comentário, muito obrigado pelo retorno! Fico feliz por saber que gostou! Sou sempre muito grato por sua visita e apoio!

      Um grande abraço!

      Excluir
  2. Êba, hoje cheguei na hora certa para apreciar mais uma belezura praticamente renascida das cinzas!!!

    E desta vez a sua narração está liiinda amigo!
    Um verdadeiro conto de fadas!
    Eu tenho um fraco por histórias assim, fico extremamente emocionada!
    E o melhor de tudo: a princesa não é uma bela adormecida! Ao contrário: É UMA BELA MUITO VIVA!!!

    Que beleza! É uma mistura de púrpura com um rosáceo mais forte! Não consegui descrever bem a cor, pois é especial demais!Mas sei que é natureza pura!!

    Adorei, como sempre amigo! ( Fico até repetitiva né? rssr Mas fazer o que se aqui só encontro estrelas e também princesas belíssimas)
    Você é demais!!
    Um grande beijo e ótima semana!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Adriana! É verdade, chegou bem na hora! Sua visita sempre faz meu dia, adoro ler seus comentários.

      Fico feliz por saber que gostou da historinha sobre a sua quase xará! Ambos os nomes, em português e francês, são belíssimos, de fato!

      Tem razão, esta cor é difícil de descrever. Ao vivo, ela tem um tom meio azulado, tendendo para o violeta, só que bem suave. Mas a sua descrição está melhor!

      Que bom que gostou, Adriana, muito obrigado pelo carinho e consideração com que nos visita, sempre!

      Um grande beijo e tudo de bom!

      Excluir
  3. Que romântico!..e que linda e aristocrática flor que nasceu de um cruzamento tão providencial!...

    Carismática!..e o texto envolvente Sergio!...
    Parabéns por ambos!!!

    Suely Ceruci

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Suely! Que belas palavras, adorei seu comentário! De fato, esta flor tem carisma! Que ótimo saber que gostou do texto, muito obrigado pelo carinho!

      Um grande abraço!

      Excluir
  4. El artículo que acompaña esta verdadera princesa es maravilloso.
    Se aprende mucho además de deleitarnos con tus orquídeas tan maravillosas.
    Te dejo un fuerte abrazo Sergio, bella noche!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Cristina! Fico muito feliz por saber que gostou do artigo, que ótimo! Muito obrigado pelo seu comentário e pelas palavras de apoio!

      Um grande abraço e uma ótima noite!

      Excluir
  5. Mais uma perfeição da natureza!!!!
    sorte das princesa ter um final feliz, adorei seu texto também ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ana! É verdade, esta história teve um final feliz! Fico muito feliz por saber que gostou do texto, muito obrigado pelo carinho!

      Um grande abraço! :)

      Excluir
  6. Lindíssima, e sua narração foi perfeita (sou professora de português), parabéns pela princesa!

    Abraços,
    www.hortaladecasa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Jaqueline! Imagine, bondade sua! Fico muito contente por ouvir sua opinião, muito obrigado pelas palavras de apoio!

      Um grande abraço!

      Excluir
  7. Parabéns Sergio, tudo lindo no post, planta maravilhosa, narração perfeita, obrigada por compartilhar.
    abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bete! Imagine, gentileza sua! Que bom saber que gostou, muito obrigado pela sua visita e pelo carinho!

      Um grande abraço!

      Excluir
  8. O texto poeticamente lindo e perfeito contracenou facilmente e brilhantemente com a beleza dessa flor; sua princesa merece o cuidado e o carinho! Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Jalon! Que belas palavras, seus comentários sempre repletos de beleza e poesia! Fico feliz por saber que gostou, muito obrigado pela visita!

      Um grande abraço!

      Excluir
  9. Olá Sergio!
    Belíssima narrativa desse casamento e belíssimo o resultado. Tenho um encanto especial pelos híbridos naturais.
    Um abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Américo! É verdade, também tenho um carinho muito grande por estes híbridos. Fico tentando identificar os traços dos pais nos descendentes. Que ótimo receber sua visita e saber que gostou da narrativa!

      Muito obrigado pelo comentário e apoio!

      Um grande abraço!

      Excluir
  10. Ah se gostei...foi nada; quando leio seus posts escrevo alguma coisa mais qualitativo. Abraço.

    ResponderExcluir
  11. Linda, maravilhosa e que história! Obrigada por compartilhar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Clau! Tudo bem? Imagine, eu que agradeço a você pela visita e carinho! Que bom que gostou, muito obrigado pela força!

      Um grande abraço!

      Excluir
  12. Não ha duvidas quanto a realeza, visto que a beleza é de delicada exuberancia.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sissym! Que ótimo ler seu comentário! Você também, tem um nome que remete à realeza! Fico feliz por saber que gostou desta pequena, muito obrigado pelo carinho!

      Beijos e um ótimo final de semana!

      Excluir