Micro-orquídea Sophronitis solitária


Micro-orquídea Sophronitis cernua
Sophronitis cernua

Devo admitir que sou apaixonado pelas orquídeas do gênero Sophronitis. São plantas de pequeno porte, que possuem flores relativamente grandes. E, invariavelmente, apresentam cores exuberantes. Já mostrei para vocês a Sophronitis coccinea, cujas flores em vermelho escarlate mesmerizam os colecionadores. Essas características especiais também são emprestadas a híbridos belíssimos, como a Sophrolaelia Orpetii.

A convidada de hoje possui flores bem menores, podendo ser chamada de micro-orquídea. Apesar do tamanho, não economiza nas cores. As pétalas e sépalas da Sophronitis cernua carregam diferentes tons de cores quentes, que podem variar entre o amarelo, laranja e vermelho. Acho que o melhor termo que descreve a minha, na foto acima, é abóbora. Como a cereja do bolo, exibe duas cintilantes esferas em magenta, bem no centro da estrutura floral. São as polínias, órgãos que concentram os grãos de pólen.

Apesar de ser uma orquídea encontrada no estado de São Paulo, as minhas Sophronitis cernua têm enorme dificuldade para sobreviver aqui no apartamento. Várias já se foram e esta é a primeira que, além de sobreviver, deu uma flor! Vamos ver se ela consegue repetir a façanha no ano que vem.

21 comentários:

  1. Parabéns!!! Elas são realmente lindas e desejo sucesso com esta menina! Abç

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Alexia, tudo bem? Que ótimo, muito obrigado pelas palavras de apoio! Valeu pela visita!

      Um grande abraço!

      Excluir
  2. Que linda. Adorei.
    beijinhos grandes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lena! Fico contente que tenha gostado, muito obrigado pelo apoio!

      Bjos e tudo de bom!

      Excluir
  3. Olá Sérgio!
    Simplesmente deliciosa. Certamente que dará muitas alegrias no futuro.
    Um abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Américo! Espero que sim, mal vejo a hora de chegar a próxima floração! Que bom que gostou, muito obrigado pela visita e pelo comentário!

      Um grande abraço!

      Excluir
  4. Oi Sergio! Linda essa Sopho, tbm sou apaixonada por elas...Parabéns!!!
    Abç.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Flávia! Que bom saber, de fato, são orquídeas especiais. Muito obrigado pelo comentário e pelas palavras de apoio!

      Um grande abraço!

      Excluir
  5. Olá Sergio, muito boa noite amigo!
    Desculpe o atraso em vir conferir mais uma das suas pequeninas preciosas! E sempre deslumbrante, como é peculiar!

    Fico impressionada como você consegue dar vida a essas criaturinhas frágeis e tão delicadas no seu apartamento. Deve ser um berçário de raridades amigo!

    Ainda bem que você as deixa bem protegidas não é? Falo isso porque ontem aqui em Vitória, deu uma ventania tão grande que levou tudo pelos ares!
    Minha sala de trabalho, em questão de segundos, ficou impregnada de poeira. Quase não deu tempo de fechar a janela de tão forte que estavam as rajadas! Deve ser um perigo para as orquídeas ventos muito fortes, provavelmente não resistiriam pois são muito delicadinhas! :)

    Mas voltando ao assunto principal, pois me dispersei falando abobrinhas...rsrs E pegando o gancho das abóboras, caramba, que cor linda essa! Parece um tom alaranjado também! Gostei! Muito diferente mesmo! Não só de vermelhas, rosas, púrpuras e brancas são as orquídeas não é mesmo? Existem várias tonalidades!
    Já estou curiosa para conhecer a próxima ...rsrs

    Obrigada mais uma vez e abraços fortíssimos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Adriana, boa noite! Imagine, aqui você nunca está atrasada! É sempre muito bem-vinda!

      Pois é, são todas bastante frágeis e sofrem muito com o vento. Aqui também tem ventado horrores, talvez não tanto quanto em Vitória. Sinto muito pela confusão no seu escritório, que bom que nada de mais grave aconteceu. Aqui, sou obrigado a colocar as orquídeas mais delicadas para dentro, em ocasiões como essas.

      Mas que bom saber que gostou desta laranjinha! Também fico impressionado com a variedade de cores nas orquídeas. Infelizmente, a sua cor favorita, azul, é rara nesta família!

      Imagine, eu que agradeço, de coração, pela sua visita e carinho, sempre!

      Um grande abraço e uma ótima semana!

      Excluir
  6. Linda Sergio (muito linda!!!). Parabens. Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Angel Mar! Que ótimo receber sua visita, fico contente que tenha gostado desta orquídea! Muito obrigado pelo comentário e apoio!

      Um grande abraço!

      Excluir
  7. Sergio
    Ela é m a r a v i l h o s a sou apaixonada por ela.
    Anos e anos venho brigando com esta espécie, ano passadoveio 3 flores, ganhei mais uma mudinha e comprei mais uma e 2013 nadica de nada.
    Parabéns
    abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bete! Pois é, pena que esta seja uma orquídea tão melindrosa. Mas fico feliz por saber que teve flores no ano passado. Tomara que venham mais ainda este ano!

      Que ótimo recebê-la aqui, muito obrigado pela visita e pelo incentivo!

      Um grande abraço!

      Excluir
  8. Linda, delicada, amei a cor também!!!!
    Ontem comprei 3 orquideas, era pra ser uma bem vistosa, assim com mais hastes, mas não achei, acabei trocando por 3, uma colmanra, uma phalaenopsis e a outra esqueci o nome, e estva tentando achar aqui na net. É uma delicada e meio esverdeada, assim que fotografar peço pra vc ver o nome ok? è uma uda nova, mas amei sua delicadeza.
    Aí fiquei pensando, o Sergio deve ter um caderno de anotações, kkk
    como cuidar de especies diferentes, saber qdo molhar, adubar e tal, rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ana! Que bom saber que gostou desta orquídea! De fato, a cor é muito bonita!

      Parabéns pelas novas aquisições! Fiquei super curioso para conhecer suas meninas, devem ser lindas. Com certeza, se eu souber, terei o maior prazer em identificá-la! Pela sua descrição, deve ser linda!

      Então, Ana, acertou! De fato, eu tenho uma planilha onde coloco todas as informações sobre as orquídeas que cultivo. Mas confesso que, no trato geral, todas acabam recebendo os mesmos cuidados. Caso contrário, eu ficaria louco, com certeza!

      Brigadão pela sua visita e pelo comentário, sempre tão atencioso!

      Um grande abraço e tudo de bom!

      Excluir
    2. Não deve ser nada incomum, o preço era de orquidea comum, ahah, depois te mando a foto, nem tive tempo de fotografar ainda. Valeu! Ah, escolhi de presente de dia das mães ;)

      Excluir
  9. Linda orquídea; de uma beleza e ao mesmo tempo 'fragilidade' incríveis! Parabéns...outra coisa: vi na internet, no perfil de um amigo (no orkut) uma sophronitis de flor amarelo (muita linda também); ele disse que era uma variação natural bastante exótica! Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Jalon! Belas palavras, concordo com você! Além de bela, ela é bastante frágil. Que bom saber que gostou, fico contente!

      De fato, essas Sophronitis amarelas são lindas e exóticas. Infelizmente, também são raras e caríssimas. São um sonho de consumo, mas não tenho coragem de arriscar tanto em uma só planta!

      Que ótimo receber a sua visita, muito obrigado pelo prestígio e atenção, sempre!

      Um grande abraço!

      Excluir
  10. Si uno se detiene a apreciar la perfección y sinuosidad de la flor, no existiría belleza que se le compare.
    Es un placer presenciar tanta belleza Sergio, felicitaciones!
    te dejo un fuerte abrazo, bonita noche.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Cristina! Adorei ler a sua mensagem, que belíssima frase. Fico feliz por saber que gostou desta flor. Muito obrigado pela sua visita e carinho, sempre!

      Um grande abraço e tudo de bom!

      Excluir